Planejamento Autoriza Mais De 47 1 mil Vagas No Executi

05 May 2019 10:45
Tags

Back to list of posts

<h1>4 Alunos De Universidade P&uacute;blica De Bras&iacute;lia S&atilde;o Aprovados Em Harvard E Novas Universidades Americanas</h1>

<p>Em 1998, quando Jo&atilde;o Havelange deixou a presid&ecirc;ncia da Fifa, a Folha publicou um caderno especial sobre o homem que havia comandado o futebol mundial pelos &uacute;ltimos vinte e quatro anos. Ele se enganava, pelo menos em conex&atilde;o a horas de v&ocirc;o: Havelange parecia buscar a presid&ecirc;ncia da Organiza&ccedil;&atilde;o das Na&ccedil;&otilde;es Unidas.</p>

<p>Fundada em 1904, a Fifa tivera at&eacute; sendo assim 6 presidentes, todos europeus (1 belga, dois franceses e 3 ingleses). Por mais que os olhos azuis e o sotaque arranhado n&atilde;o compusessem o ''physique du r&ocirc;le'' do brasileiro t&iacute;pico, n&atilde;o havia perguntas de que Havelange representava redistribui&ccedil;&atilde;o de poder na Fifa. Num golpe de mestre, se exibe como o candidato do Terceiro Mundo, o futuro presidente que iria conduzir o futebol a todos os continentes, principlamente &agrave; &Aacute;frica e &agrave; &Aacute;sia, aos pa&iacute;ses mais pobres.</p>

<p>Como num movimento de pa&iacute;ses n&atilde;o-alinhados na ONU, passa, no formato de presidente da confedera&ccedil;&atilde;o tricampe&atilde; mundial, a conversar pelos ''deserdados''. Primeiros Alunos De imediato Come&ccedil;am A Deixar Os Locais De Prova , alia conte&uacute;do pol&iacute;tico &agrave; ca&ccedil;a ortodoxa de votos. Obt&eacute;m, deste jeito, o apoio de pa&iacute;ses comunistas do Leste Europeu. E a Fifa, distinto da ONU, n&atilde;o tem conselho de seguran&ccedil;a ou qualquer &oacute;rg&atilde;o em que um na&ccedil;&atilde;o pese mais do que outro. Como Preparar-se Para a Banca FGV Concursos de Honduras valia, e continua valendo, em t&atilde;o alto grau quanto o da Inglaterra.</p>

<p> Quer Preparar-se Fora? de mais de 10 pa&iacute;ses &aacute;rabes e africanos haviam defendido no plen&aacute;rio a volta da China &agrave; Fifa. Pra essa finalidade, seria preciso expulsar Taiwan, condi&ccedil;&atilde;o do governo comunista chin&ecirc;s. Rous e a maioria dos europeus, parelhos com os Estados unidos, eram contra. Alguns delegados n&atilde;o haviam se definido. Pela v&eacute;spera, comentou Havelange &agrave; Folha, ele recebera um telegrama do governo brasileiro proibindo-o de abrir a Fifa &agrave; China.</p>

<p>O ordem foi desrespeitada. No meio do debate, levanta-se e pede a frase. Rous, voltando atr&aacute;s ap&oacute;s protestos. Em 1 minuto e 40 segundos, num discurso em franc&ecirc;s determinante pra sua vit&oacute;ria pela elei&ccedil;&atilde;o, Havelange defende os chineses, conquistando os votos que faltavam. A proposta de retorno do povo vence por 59 a 47, por&eacute;m n&atilde;o atinge os 3 quartos de votos necess&aacute;rios. Com os pa&iacute;ses que ingressaram naquele congresso, a Fifa passou a ter 146 membros, 139 com certo a voto. Pela c&eacute;dula com nomes de Rous e Havelange, o eleitor riscava o nome do preterido, deixando &agrave; mostra o escolhido.</p>

<p>No primeiro turno, Havelange vence por 62 a 56, menos do que os 2 ter&ccedil;os exigidos pelo estatuto. Eram 15h03 em Frankfurt. Dois dias depois, o Brasil estrearia pela Copa da Alemanha, contra a Iugosl&aacute;via, num 0 a 0 que sinalizaria vinte anos sem t&iacute;tulo mundial, tempo em boa quota de trevas pra sele&ccedil;&atilde;o. Para Havelange, o melhor da hist&oacute;ria estava s&oacute; come&ccedil;ando. E o melhor da hist&oacute;ria, para Havelange, n&atilde;o seriam gols, jogadas, craques.</p>

<p>No ano passado, ele considerou que o balan&ccedil;o que faz de cada guerra n&atilde;o se fundamenta em crit&eacute;rios esportivos, por&eacute;m na cor t&eacute;rmino da contabilidade. Desde 1974, o azul dos balancetes da Fifa tem ficado ainda mais forte. Quase nada, comparando com os contratos de venda dos direitos de marketing e televis&atilde;o das Copas de 2002 e 2006 para a corpora&ccedil;&atilde;o de marketing ISL.</p>

<ul>
<li>Quatro - Or&ccedil;amento apertado</li>
<li>Responda-ME COM QUEM ANDAS</li>
<li>Paulo citou: 06/08/12 &aacute;s 12:Cinquenta e seis</li>
<li>Vendedor (3)</li>
</ul>

integra&ccedil;&atilde;o2-1.jpg

<p>1,dois bilh&atilde;o pela transmiss&atilde;o por Tv e marketing. 2,8 bilh&otilde;es para a Fifa e ficar&aacute; com todo o lucro da venda do patroc&iacute;nio dos dois pr&oacute;ximos Mundiais e da cess&atilde;o dos direitos de transmiss&atilde;o de Televis&atilde;o para todo o planeta. Dado que os direitos das duas primeiras Copas do s&eacute;culo 21 desencadearam uma luta entre 2 grandes grupos do marketing esportivo, ao redor dos quais os dirigentes do futebol se perfilaram, aprofundando a n&iacute;veis jamais vistos o racha pela Fifa. 900 milh&otilde;es para investimentos. Mais do que uma pot&ecirc;ncia com faturamento invejado por v&aacute;rias multinacionais, a Fifa &eacute; a organiza&ccedil;&atilde;o central do setor esportivo, aquele que mais cresce pela ind&uacute;stria de entretenimento mundial.</p>

<p>260 bilh&otilde;es anuais o impacto do futebol na economia mundial. Por toda a Europa, os clubes est&atilde;o virando sociedades an&ocirc;nimas, para gerar lucro. Na It&aacute;lia, o futebol agora responde por 2% do Item Interno Bruto (PIB, soma de bens e servi&ccedil;os produzidos em um ano) e tem enorme hip&oacute;tese de crescimento.</p>

<p>O esporte representa 3,5% do PIB dos Estados unidos, um dos pa&iacute;ses onde o futebol poder&aacute; agigantar-se como neg&oacute;cio, como Brasil e China. O que se discute hoje n&atilde;o s&atilde;o os m&eacute;todos de Havelange e seu candidato, Joseph Blatter, qualificados como ditatoriais na oposi&ccedil;&atilde;o, nem as piadas sobre isso negros contadas por Lennart Johansson, tido como racista pela situa&ccedil;&atilde;o.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License